Otimização de energia com Fator de Potência

Otimização de energia com Fator de Potência

Fator de Potência

​As cargas indutivas necessitam de campo eletromagnético para seu funcionamento, por isso sua operação requer dois tipos de potência:O “triângulo das potências” abaixo, é utilizado para mostrar, graficamente, a relação entre as potências ativa, reativa e aparente.A razão entre a potência ativa e a potência aparente de qualquer instalação se constitui no “fator de potência”.O fator de potência indica qual porcentagem da potência total fornecida (kVA) é efetivamente utilizada como potência ativa (kW). Assim, o fator de potência mostra o grau de eficiência do uso dos sistemas elétricos. Valores altos de fator de potência (próximos a 1,0) indicam uso eficiente da energia elétrica, enquanto valores baixos evidenciam seu mau aproveitamento, além de representar uma sobrecarga para todo o sistema elétrico.

Por exemplo, para alimentar uma carga de 100 kW com fator de potência igual a 0,70, são necessários 143 kVA. Para a mesma carga de 100 kW, mas com fator de potência igual a 0,92, são necessários apenas 109 kVA, o que representa uma diferença de 24% no fornecimento em kVA.

Fonte: http://www.edp.com.br/distribuicao/edp-escelsa/informacoes/grandes-clientes/energia-reativa/fator-de-potencia/Paginas/default.aspx